Em prestação de Contas, Adilson de Oliveira mostra economia e deixa saldo positivo para o próximo presidente

por hayslla — publicado 21/12/2018 14h30, última modificação 21/12/2018 14h30

Com números, Adilson mostrou e comprovou a eficácia de sua gestão à frente da Câmara de Vereadores de Vilhena

Na manhã desta sexta-feira, 21, o presidente da Câmara de Vereadores, Adilson de Oliveira (PSDB), realizou uma Audiência Pública para Prestação de Contas dos seus dois anos de mandato à frente da Casa de Leis, no biênio 2017-2018.

A prestação foi realizada no auditório da Prefeitura de Vilhena e contou com a presença de vereadores, o prefeito Eduardo Japonês (PV) e a comunidade vilhenense.

Adilson mostrou, em números comparativos, como foram os gastos de sua gestão e as comparou a administrações anteriores, provando concretamente a economia feita com redução de salários dos próprios vereadores, diminuição de diárias e outras medidas austeras que permitiram até a construção de uma nova sede da Câmara de Vereadores com recursos próprios.

“Quando assumi, tive a visita de um empresário de fora e ele viu a chuva caindo dentro da sede da Câmara. Isso me deixou constrangido de decidi fazer uma nova sede”, afirmou Adilson, mostrando vídeos e fotos de como a água caía dentro dos gabinetes na hora da chuva.

Na prestação de contas foram mostrados os recursos obtidos para a cidade, como maquinários e benfeitorias para a saúde, após intermediação dos edis perante a bancada estadual e federal.

Em 2017 foram economizados R$ 2.603.266,14 e em 2018 foram economizados R$ 2.050.377,52 totalizando uma montante de R$ 4.653.643,66 economizados. Foram destinados pelos vereadores R$ 1.652.246,88 em emendas, para atender o SAAE R$ 210.504,00, Secretaria de Saúde R$ 788.432,96 e outras entidades R$ 653.309,92.

Adilson ainda deixou dinheiro em caixa para o próximo presidente, Ronildo Macedo (PV). “Quando eu entrei tive que pagar dívidas deixadas por gestões anteriores e hoje saio deixando um saldo positivo para o próximo presidente. Isso me deixa com o sentimento de missão cumprida”, finalizou Adilson.

DICOM - Câmara de Vilhena