Adilson indica ao Executivo a realização de um estudo para uso da energia solar em Vilhena

por hayslla — publicado 18/04/2019 12h57, última modificação 18/04/2019 12h57
Adilson indica ao Executivo a realização de um estudo para uso da energia solar em Vilhena
O vereador Adilson Oliveira (PSDB) indicou ao Poder Executivo, em sessão ordinária realizada na última terça-feira, 16, que se faça um estudo sobre o custo para implantação de painéis ou a construção de usinas fotovoltaicas (solar) e o tempo de retorno do investimento. 
Para o vereador é necessário que se encontrem meios de diminuir o custo da máquina pública sem que a população seja penalizada com aumentos de tributos. 
A prefeitura já acumulou uma dívida próxima a 80 milhões de reais junto à fornecedora de energia do Estado o que provocou a necessidade de um reajuste no valor da COSIP. 
O uso de energias renováveis tem se tornado uma tendência mundial, devido à maior preocupação com o meio ambiente e a necessidade de se encontrar soluções para diminuição de custos, já que as tarifas em cima da energia de usinas hidroelétricas tendem a subir principalmente em épocas de seca.
“Estive durante as últimas semanas fazendo pesquisas sobre cidades que já vêm usando a energia solar para abastecer prédios públicos e em todas elas houve diminuição dos custos, algumas chegaram à economia de 80% e é isso que precisamos. Não adianta simplesmente jogar o custo das dívidas públicas para a população, é necessário que se busque alternativas para que venhamos economizar e usá-la para se investir em outros setores. Uma empresa que trabalha nesse ramo aqui na cidade já entrou em contato se disponibilizando a colaborar no levantamento dos custos e do que a cidade precisaria para que se use a energia solar”, disse o vereador.
DICOM - Câmara de Vilhena