Vereadores se posicionam contra a reforma da Previdência na última sessão ordinária

por Hayslla Mikaella do Couto publicado 22/03/2017 10h54, última modificação 22/03/2017 10h54
Manifestantes lotaram o auditório da Casa de Leis, munidos de cartazes contra a reforma.

A 6ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores desta terça-feira, 21, teve mais uma vez o auditório lotado devido à mudança de horário. “Antes as sessões aconteciam de manhã e não tínhamos acesso ao que era votado aqui. Agora podemos comparecer e participar das decisões que os vereadores tomam”, parabenizou o cidadão Valdeci Pereira da Silva, o “Biro Biro”.

A mudança do horário democratizou o acesso à população vilhenense trabalhadora, pois agora podem ter uma participação ativa e fazer pressão aos vereadores que podiam deliberar sobre as leis, que regem a cidade, sem ser incomodados. Hoje a realidade é outra e dá maior transparência aos atos do Legislativo.

 Em tempo, o Sintero esteve presente e se manifestou contra a reforma da Previdência. No púlpito, os vereadores mostraram-se solidários e se comprometeram em acionar seus correligionários da bancada federal para votar contra a reforma. Os vereadores também lembraram do dia internacional do Síndrome de Down.

 Seguindo a pauta da sessão, os edis deliberaram e aprovaram três requerimentos, fizeram 25 indicações ao poder Executivo e leram cinco projetos de lei.

 O requerimento nº 023/2017, de autoria do vereador Célio Batista (PR), solicita à prefeita municipal que envie à Casa de Leis uma cópia da nota fiscal emitida pela empresa Biocal no exercício de 2016, referente à última entrada de medicamentos no Hospital Regional.

 O segundo requerimento nº 024/2017, também de autoria de Batista, solicita à prefeita municipal que envie à Casa de Leis uma cópia do processo de reconhecimento de dívida no valor de R$ 235.981,01 (duzentos e trinta e cinco mil, novecentos e oitenta e um reais e um centavo), referente à compra de medicamentos do Hospital Regional.

 O terceiro requerimento nº 025/2017, de autoria do vereador Suchi (PTN), solicita à prefeita municipal informações sobre se haverá a campanha “Maio Amarelo”, referente à conscientização, prevenção e melhorias no trânsito, caso positivo, informe como serão desenvolvidas as atividades.

 

 

DICOM - Câmara de Vilhena