Julgamento do Parecer Final da CPI da Câmara acontece nesta quinta-feira

por Hayslla Mikaella do Couto publicado 30/05/2017 08h45, última modificação 30/05/2017 08h45
Parecer da CPI será lido em plenário ao público em geral.

A Câmara de vereadores de Vilhena apresentará o relatório da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que há mais de 90 dias investiga os vereadores Vanderlei Graebin, Carmozino Alves e Junior Donadon, nesta quinta-feira, 1º de junho, em sessão extraordinária na Casa de Leis, a partir das 13h.

Após a leitura do parecer da CPI e das falas de acusação e de defesa dos três vereadores, os 10 vereadores irão votar se são a favor ou contra o relatório, e se são a favor ou contra a cassação do mandato dos vereadores investigados.

O processo relativo à investigação tem mais de 3 mil páginas contendo documentação sobre a postura dos três vereadores em relação às denúncias sobre o uso de seus cargos para benefício próprio, no caso de aprovação de loteamentos em Vilhena em 2015 e 2016.

A carta de renúncia do vereador Junior Donadon foi suspensa, segundo o relator da CPI, o vereador Rafael Maziero (PSDB), que alegou que a constituição federal prevê que em caso de CPI o parlamentar pode fazer o pedido de renúncia no início dos trabalhos e não em sua conclusão. “Por isso, a renúncia de Junior Donadon fica suspensa até o final da CPI e seu julgamento. Caso ele for inocentado, a carta passa a ser aceita”, disse Maziero. 

A CPI é presidida pelo vereador Carlos Suchi (PTN) e tem ainda como membro o vereador Ronildo Macedo (PV). A sessão extraordinária desta quinta-feira é aberta à população em geral.

 

 

DICOM - Câmara de Vilhena